Ousando no d’orsay

A modelagem d’orsay é um clássico de calçados, especialmente porque revela um toque mais sofisticado e extremamente elegante à produção, sendo desta forma uma ótima opção quando há a necessidade de uma produção mais nobre, como por exemplo casamentos, formaturas e ocasiões afins. Entretanto, com o tempo as marcas tem investido, cada vez mais, em modelagens diferenciadas, trazendo um ar mais moderno e despojado aos d’orsays.

dorsayred

É possível notar este “perfume” mais sofisticado do d’orsay para looks mais casuais, porém este ainda revela uma identidade mais glam, como é o caso deste Manolo Blahnik, na cor vermelha, de salto alto fino, parte traseira fechada, gáspea assimétrica de bico fino em material acamurçado e interferência de couro da mesma cor, fazendo um truque como se estivesse dobrado. O resultado final deste calçado é uma imagem mais moderna, destacando no efeito final da produção um estilo imponente e vibrante.

Não é apenas uma bota!

Nestes dias de frio intenso que temos tido, nada melhor que uma bota para manter os pés bem quentinhos, não é verdade?! Mas, nem por isso p look precisa ser sem graça, há formas de incrementar a produção com uma bota original, que tenha algum tipo de informação que dê maior destaque, seja na cor, na modelagem, no salto, etc.

5d4cefd624dcc7437edb81e9da0718e3

Este modelo de bota de cano baixo é um exemplo disso, de salto alto e fino proporciona um ar mais sexy ao look, com cabedal todo em cinza toupé ganha mais impacto com a adição destes “triângulos” desenhados por toda a linha central do calçado e os ” mini triângulos” na parte traseira e cano revelam um estilo mais original.

Na hora de coordenar o look de sábado saiba que cai muito bem com peças invernais pretas; vestidos e calças, por exemplo. Ainda que o resultado final seja monocromático a presença de um calçado como esta bota, adiciona mais presença e autenticidade.

 

Calçados de Casamento: Estilo Minimalista

O estilo minimalista é um tema bastante falado ultimamente como sendo uma tendência nas mais diversas áreas; beleza, arquitetura, design, decoração, estilo de vida e também na moda. Rapidamente explicando: trata-se de um movimento que destaca uma estética atemporal, com pureza de linhas, uso de cores sóbrias, buscando evidenciar apenas o essencial.

Assim como nas áreas citadas acima, acabou virando mais um estilo para as noivas se inspirarem, dentre tantos outros. O diferencial dos vestidos minimalistas é o fato de ter  uma pegada sóbria e limpa, revelando um ar sofisticado e ao mesmo tempo extremamente simples.

bridadressminimalist

Os calçados mais adequados para serem coordenados com os vestidos minimalistas, são aqueles que possuem modelagens simples, sem detalhes e que o resultado final é uma combinação leve e harmônica. Assim, opção interessantes são: scarpins lisos, sem qualquer tipo de ornamentação, ou sandálias clássicas de tira, ou d’orsay (sem tornozeleira) e até para mulheres que preferem um calçado baixo, sapatilhas de bico fino.

Dá uma olhada nesta curadoria:

selectminimal.jpg

  1. Scarpin nude rosado, cabedal de bico fino suave e de salto alto fino, da Uza.
  2. Sandália branca, tira frontal fina, parte traseira fechada, com tornozeleira e salto bloco médio, da Schutz.
  3. D’orsay nude com acabamento envernizado, gáspea de bico fino com mini laço, parte traseira fechada e salto médio fino, da Arezzo.

 

É claro que a escolha do estilo a ser adotado depende de uma série de fatores, como: local da cerimônia, estilo da noiva, hábitos de calçados da noiva, segurança e conforto. Entretanto, o minimalismo pode ser uma inspiração para quem busca uma produção simples e muito elegante.

O acabamento faz a diferença!

Sim! Um detalhe faz totalmente a diferença no resultado final do calçado! E… esse pode ser um ótimo artifício para dar aquela incrementada na sua produção de sábado, prova disso é esta modelagem de d’orsay:

d'orsay

Na essência este tipo de calçado é super clássico, de salto alto fino, com parte traseira fechada, mas aqui há a presença de tornozeleira, o que oferece maior segurança à usuária. Já a gáspea possui um decote que cobre todos os dedos e o diferencial desta modelagem está na panteira; que é aberta, deixando apenas a ponta dos dedos aparentes, revelando um calçado sutilmente sensual, entretanto mantém sempre um toque de elegância, que se complementa com o acabamento em cetim champagne rosado, proporcionando um ar extremamente nobre e feminino. Assim, este d’orsay é um calçado que pode transitar pelas mais diversas ocasiões, desde as mais formais (como casamentos, formaturas e afins) até aquele jantar informal que você quer deixar o look mais sofisticado.

Scarpin Multi Tiras

Que os scarpin são uma ótima alternativa na hora de compor o look, não nos resta dúvida! No seu dia a dia, na correria você precisa montar a produção, mas está em dúvida de que optar, a escolha do scarpin é sempre um acerto. Entretanto, se você quer dar uma modernizada e está em dúvida, arrisque-se nas modelagens diferenciadas dos scarpins.

886e8c87b69343a83f5dc156627c5d77

Como é o caso deste modelo multi tiras com a combinação clássica entre preto e branco, o design de cabedal de bico fino branco é inspirado no clássico t strap, entretanto neste modelo ganha mais tiras e deixa o calcanhar à mostra. Tudo isso, contribui para uma estética mais sexy e com um resultado final de look mais contrastante.

Na hora de montar a produção, são inúmeras as opções, porém uma boa forma de dar destaque ao calçado é optar por peças mais clássicas, como de alfaiataria e assim, deixar o calçado ser a peça mais impactante.

Pointed Mule

Você já notou como as mules são capazes de transformar totalmente uma produção?  Sempre que se adiciona uma mule, o look ganha um status mais imponente e mais autêntico.

0cf4e808d225309d064eacdcabc103c5

A inspiração de produção para hoje é esta mule com gáspea tipo pointed, ou seja, de bico fino com detalhe de faixa branca acima da biqueira prateada, já no peito do pé há uma pequena tira preta para garantir mais estabilidade ao caminhar por conta do salto alto e fino. Este calçado possui uma composição de cores neutras, que pode ser coordenado com peças de alfaiataria, de modelagens mais retas e sóbrias, com referências de design minimalista.

Para sábados de frio?

Nestes dias de muito frio, que temos tido ultimamente, nada mais aliado na hora de montar a produção que um bom casaco e uma bota quentinha, né?! Pois bem, sábado é o momento de ousar, de se jogar num belo salto, se é que você é fã de saltos, claro!

Assim, a sugestão para hoje é um look para monocromático, onde o protagonista será o calçado!

BeFunky-projectsalome

A ideia é deixar o peso de toda a produção por conta de um calçado mais imponente,  como é o caso desta ankle boot, de salto alto e fino, com detalhes de desenhos de costura em todo o cabedal, dando um efeito mais sexy ao look, que mesclado a coordenação das peças restantes com um toque mais girlie, revelam um resultado interessante e equilibrado.

 

Combinar look com calçado?

Está permitido combinar as cores do look com o sapato? A verdade é; na minha modesta opinião, tudo depende da situação e daquilo que te deixe confiante. Então, na hora de montar uma produção “combinante” pense em uma composição que resulte em algo harmônico e com a sua identidade.

lookpeb

A inspiração aqui fica por conta da sempre clássica dobradinha preto e branco, tanto no look quanto no calçado. Esta open boot preta em material acamurçado, de salto alto fino com a parte traseira dobrada em branco, proporciona mais originalidade ao design do calçado.

Assim toda a produção traduz uma proposta ultra feminina, por conta da modelagem midi saia e o cropped trazendo um toque mais girlie, já o open boot faz o contraponto mais sexy glam, resultando em um look feminino sem ser bobinho.

Transparência

Sabe aquela modelagem clássica do scarpin? Pois bem, dessa vez, ele ganhou uma releitura, um perfume mais moderninho, que fará toda a diferença no resultado final do look.

A tendência nesta temporada outono/inverno são os scarpins com vinil, dando um efeito mais descolado na produção, isso porque quase sempre possuem cabedal com laterais transparentes, um detalhe tipo cap toe na parte frontal e traseira, em cores e acabamentos acamurçados ou envernizados.

BeFunky-projectsalome

Dá só uma olhada nas inspirações:

Slide1

  1. Scarpin com cabedal de bico fino, de salto alto fino, com laterais transparentes em vinil, detalhes na parte traseira e frontal em preto com acabamento envernizado, da Schutz.
  2. Scarpin com cabedal de bico fino, de salto alto fino, com laterais transparentes em vinil, detalhes na parte frontal e traseira de material sintético com acabamento acamurçado vermelho, da Mixage na Zattini.
  3. Scarpin com cabedal de bico fino, de salto alto fino, com laterias transparentes em vinil, detalhes na parte frontal e traseira em nude envernizado, da Shoes in Box na Zattini.
  4. Modelo de d’orsay de salto alto fino, com gáspea de bico fino em nobuck preto com detalhes em vinil transparente, laterais abertas, parte traseira em nobuck preto com detalhes em vinil transparente com tornozeleira, da Vicenza.

Os scarpins e d’orsays em vinil transparente deixam a produção mais original, dão mais identidade para quem os usa. Na hora de coordenar os looks pense em produções onde se permita um toque mais informal e moderno, algo meio girlie ou glam, por exemplo.

 

 

 

Slingback V Cut

O slingback é um tipo de calçado que já existe há muito tempo, mas tinha ficado um pouco esquecido por aí, considerado por muita gente como “calçado de vovózinha”. Entretanto, já há algumas temporadas, tem reaparecido e ano passado parece ter caído novamente no gosto da mulherada, naquela versão bem clássica estilo chanel, aberto atrás e fechado na frente, por isso o slingback também é chamado de sapato tipo chanel.

Porém, nesta temporada outono/inverno 2018 o slingback vem em uma nova proposta, todo remodelado, com cabedal diferenciado, menos recortado e decote em “V”.

BeFunkyCollage

Dá uma olhada nas inspirações:

Slide1

  1. Slingback V Cut preto, em couro, de salto alto fino, cabedal de bico fino com decote V, da Schutz.
  2. Slingback V Cut branco, em acabamento envernizado, salto fino baixo tipo kitten heel e cabedal de bico fino com decote V, da Cecconello.
  3. Slingback V Cut em nude rosado, de couro, salto médio grosso revestido e cabedal de bico fino com decote V, da Dumond na Zattini.
  4. Slingback V Cut vermelho red fever, de acabamento nobuck, de salto grosso alto revestido e cabedal de bico fino com decote V, da Arezzo.

 

O slingback V cut é um calçado que sai do óbvio, dando uma identidade mais minimalista às produções do dia a dia, não é aquela modelagem de calçado para momentos mais formais. Pode ser um ótimo artifício para destacar de maneira moderna e fashionista, transformando o look por completo.