Peep toe boot

Vira e mexe surgem modelagens de calçados que são uma espécie de modelos híbridos, ou seja que mesclam modelagens de outros calçados já existentes, como é o caso das peep toe boots. Estas se caracterizam por serem semelhantes as open boots, porém abertas na parte traseira como as sandálias e na parte frontal, deixam à mostra apenas alguns dedos (semelhante aos peep toes tradicionais) e o cabedal forma uma peça única.

 

Dá só uma olhada nas inspirações:

1. Modelo de salto médio grosso fachetado, palmilha interna pespontada e cabedal acamurçado em caramelo, zíper na parte frontal com detalhe de tassel e fechamento frontal no peito do pé, semelhante a um tênis, da Vizzano na Dafiti.

2. Modelo de salto alto grosso fachetado, cabedal acamurçado marrom com vazados e tira de fechamento com fivela ajustável na parte traseira, da Emporio Naka.

3. Modelo de salto alto grosso, solado ligeiramente tratorado, na parte frontal do cabedal, próxima a abertura dos dedos detalhe de um trabalho vazado e o restante liso, com fechamento traseiro de velcro, da Stéphanie Classic.

4. Modelo de salto médio grosso, tanto solado quanto salto tratorado branco, cabedal liso em material acamurçado caramelo e tira traseira de fechamento com fivela ajustável, da Dakota.

Esta modelagem proporciona à toda produção um mood moderno, menos óbvio, com um design mais limpo e minimalista, onde as protagonistas podem ousar com pantacourts e modelagens de peças de vestuário bem arrojadas.

E você? Gostou?

Conta aqui!

Tênis metalizado

Não é de agora que o metalizado está bombando por aí, não é verdade?! Mas, quando o assunto são calçados, este ano parece ter ocorrido um bombardeio de modelagens metalizadas. Não digo isso, como algo negativo, não!! Muito pelo contrário, acho que calçados e suas modelagens diversas, neste tipo de acabamento metalizado transpiram atitude nos looks, resultando assim, produção fantásticas, que saem do óbvio.

 

Hoje o assunto, especificamente, são os tênis que por sua vez, estão também em modelos super diversificados, um mais estiloso que o outro, para agradar à todas.

Dá só uma olhada nas inspirações:

1. Modelo de tênis metalizado, flatform prata furtacor, que faz referência aos estilos dos oxfords, por conta dos detalhes do cabedal e sola branca tratorada, da Loucos & Santos.

2. Modelo de tênis metalizado, flatform prata, cabedal estilo oxford com cadarço bege, solado plataforma preto com acabamento intermediário de corda, da Mundial Calçados.

3. Modelo de tênis metalizado, estilo superstar, cabedal ouro suave, detalhe branco na parte traseira, biqueira branca com uma espécie de aplicação de tiras de strass, cadarços brancos e solado baixo, da Tabita.

4. Modelo de tênis metalizado, estilo tênis de corrida, cabedal e cadarços dourados, solado ligeiramente tratorado branco e preto, da Vizzano.

Os tênis parecem ter saído só do ambiente das academias, ganhando novos ares, novas propostas de estilos, modelagens e acabamentos que por sua vez, dão forte impacto para o resultado final dos looks. Pode usar sem medo, seja qual for o estilo que te traga mais afinidade e assim, o tênis só irá de dar mais informação de moda e um ar mais descontraído!

Gostou?

Conta aqui vai!

Scarpin Caramelo

Todo inverno tem uma cor que ganha destaque, mas nesta estação foram várias cores e tipos de acabamentos em calçados. Entretanto, quando o assunto são scarpins uma cor ganhou maior evidência, que foi o caramelo.

O caramelo, não é de hoje que no inverno é uma cor forte, nos permite fazer composições inteligentes e versáteis. É talvez, uma feliz aposta depois do preto, pois vai bem com tudo!

Os scarpins caramelo podem ser combinados com qualquer peça da produção, em modelagens diferenciadas saem do ambiente de trabalho e vão tranquilamente para um happy hour ou uma ocasião que peça algo mais glam. E também, justamente por conta de uma cor próxima ao tom de pele, muitas vezes, pode dar uma alongada na silhueta.

 

Dá uma olhada nas inspirações:

1. Scarpin clássico caramelo, de salto alto fino e cabedal de bico fino liso, da Loucos & Santos.

2. Scarpin acamurçado caramelo, de salto alto fino, cabedal de bico fino com detalhes de frisos dourados ao redor de todo o calçado e debrum dourado, da Tanara.

3. Scarpin caramelo de couro, de salto alto grosso, cabedal de bico quadrado com detalhes de tiras e fivelas na gáspea e da traseira, da Santa Lolla.

4.  Scarpin acamurçado caramelo, de salto alto grosso, cabedal de bico fino com detalhes vazados no decote do calçado, da Stéphanie Classic.

O caramelo proporciona também a vantagem de ser uma cor que traz um pouco da ideia de “aquecer” a produção, ideal para dar uma quebrada em looks monocromáticos, que as vezes são muito usados no inverno. E finalmente, os scarpins são calçados clássicos,  sempre trazem à tona um ar mais sofisticado e elegante.

E você? O que acha?

Conta nos comentários?

Open Boot preta

Já falei outras vezes por aqui  sobre as open boot, esta é uma modelagem interessante para ser usada no inverno, porque sai do estilo tradicional das botas e deixam o look sensual.

As open boots nada mais são do que botas, geralmente tipo ankle boot – de cano baixo-, com uma abertura frontal, deixando os dedos aparentes.

Então, hoje é a vez de falar desta modelagem de calçado, destacando as pretas, isso porque são mais permissivas, podem ser combinadas com uma variedade maior de produções do que outras cores. Bom… preto é um clássico e pronto, né?! Independente, do estilo que seja!

Dá uma olhada nas inspirações:

 1. Open boot de salto grosso médio, cabedal com costura central, tiras duplas que se entrecruzam na parte traseira do calçado, finalizando na lateral externa com fivelas  metálicas prateadas para ajuste na parte do tornozelo, da Jorge Alex.

2. Open boot de salto médio grosso, cabedal acamurçado com costura central e detalhe externo de zíper com acabamento de um barbicacho, da Beira Rio na Dafiti.

3. Open boot de salto médio fino, cabedal com costura central, com detalhes laterais de zípers e fivela dourados na região do tornozelo, da Parô Brasil.

4. Open boot de salto alto fino diferenciado, cabedal todo trabalhado com uma espécie de pregas “plissadas”, solado com uma sutil plataforma e fechamento traseiro de zíper, da Uza Shoes.

As open boots dão à produção uma personalidade forte e impactante. Em geral ficam interessantes em looks com uma pegada mais rocker, entretanto podem ser grandes aliadas na hora de deixam a produção com uma estilo único, muito próprio de quem monta a sua produção, permite com que você seja a grande protagonista do seu look. Como por exemplo, na primeira imagem, a foto do meio, onde foi feita uma composição voltada para o minimalista, mais cool e o calçado deu um toque especial. Porém ficam interessantes, com todo tipo de produção ou algo mais boho, gipsy e até mesmo as produções básicas ganham novas propostas com um calçado como esse.

Que você acha?

Gosta desse tipo de calçado?

Conta aqui nos comentários!

Mocassim

Não faz muito tempo falei aqui dos mocassins, como uma nova opção para calçados baixos, uma espécie de sapatilhas moderninhas, o que de fato é pura verdade. Pois é, hoje o assunto é para tratar deste tipo calçado com um ar low profile.

Os mocassins não são exatamente uma grande novidade, aliás de novos não tem nada! É um calçado de modelagem tradicional, já esteve presente na moda por várias vezes, deu o ar da graça pela última vez no final dos anos 80 e início dos anos 90.

O que caracteriza um mocassim de fato?

É um calçado com cabedal fechado, semelhante a uma sapatilha, porém na parte frontal possui uma pala, com solado mais pesado e a existência de um salto, mesmo que sutil, mas sempre presente. Seu design faz referência a um estilo mais unissex, com costuras aparentes e pespontadas, na pala geralmente há um recorte franjado, pendants (tipo barbicachos), laços e recortes.

 

Dá uma olhada nas inspirações:

1. Mocassim de cabedal preto, pala com detalhe franjado coberto por um laço com pendants e solado com salto branco, da Mr. Cat.

2. Mocassim de cabedal preto, gáspea de bico fino, pala em animal print onça com tira preta sobreposta e solado preto com salto, da Jorge Alex.

3. Mocassim de cabedal metalizado, gáspea de bico ligeiramente quadrado, pala com detalhe franjado e laço discreto, solado marrom claro e salto baixo que acompanha o metalizado do calçado, da Dumond.

4. Mocassim de cabedal de bico fino em azul caneta envernizado, pala com detalhe vazado na parte central e solado marrom claro, da Mariotta.

5. Mocassim de cabedal de bico redondo na cor bordô, envernizado,  pala com detalhe vazado na parte central e solado bege claro com salto, da Emporio Naka.

 

Você sabia: modelos como estes dois últimos da foto, que possuem um recorte na pala, eram usado para guardar moedas na década de 50, naquele espaço. Mais tarde, muitas marcas até criaram moedas para decorar os mocassins.

Hoje esta modelagem de calçados tem uma influência forte do guarda roupa masculino. Permitindo assim, a elaboração de uma produção despretensiosa, com informações minimalistas, versáteis em diversas produções, desde looks ungender, resultando em propostas mais desconstruídas ou então, quando a ideia for deixar o look feminino menos óbvio, trazendo à tona algo mais boyish.

E você? Que acha deste tipo de calçado? Conta nos comentários!

Slit Boot com fivelas e amarrações

Não faz muito tempo falei das slit boots, que são aquelas botas, em geral de cano curto, com fendas nas laterais, super práticas de serem calçadas.

Mas, além daquelas modelagens que mostrei existem também, as slit boots com fivelas, que ganham um estilo mais rocker, boho ou as slit boots com amarraçõe com uma pegada mais glam para a produção. Tudo vai depender do tipo de acabamento destas fivelas ou amarrações.

 

Dá só uma olhada nas inspirações:

 1. Modelo preto de solado tratorado, de salto alto, grosso, cabedal de bico redondo, fendas nas duas laterais e tornozeleira com fivela média prateada, fazendo assim, uma espécie de cinto, da Arezzo.

2. Modelo de solado preto, salto baixo, cabedal de bico arredondado caramelo, fenda nas laterais, com duas tiras que fazem o detalhe da slit boot com 2 fivelas prateadas pequenas, da Anacapri.

3. Modelo preto de salto alto fino, cabedal de bico fino em material acamurçado, parte traseira em couro liso, fendas laterais com finalização interna em elástico, para facilitar o calce e fechamento com uma espécie de tornozeleira em tira larga com fivela grande preta forrado do mesmo material do cabedal acamurçado, da Schutz.

4. Modelo preto, de cano ligeiramente mais alto, de salto médio fino, cabedal de bico fino em material acamurçado, fendas nas laterais, tira que forma um tipo de tornozeleira para amarrar com ponteira dourada, da Carrano.

5. Modelo preto, salto alto fino, cabedal de bico fino todo acamurçado, com acabamento em tiras tressê ao redor de todo o calçado, inclusive na fenda. Este modelo possui apenas fenda na parte externa do calçado, com amarração lateral em laço com ponteiras douradas, da Cecconello.

Esta modelagem de slit boot, assim como as que falei da outra vez  oferecem a vantagem de deixarem a produção mais estilosa, já que muitas vezes, no inverno há uma tendência em deixar a produção muito sóbria. Assim as slit boots são uma opção que impõe atitude e deixam o look com um estilo mais individualizado.

E você? Gostou? Qual mais usaria? Conta aqui!

Oxford

Nessa semana super especial, com os posts voltado ao ritmo normal, falamos hoje sobre tendências de calçados de cada estação. Portanto, agora o assunto são os oxford, uma tendência que parece ter caído no gosto popular.

Você provavelmente já conhece este modelo de calçado, mas sabe o que de fato caracteriza um oxford? Vem cá então, vou contar: é um tipo de calçado com forte referência às modelagens masculinas, destaca-se por cabedal fechado, amarrações com cadarços e geralmente com detalhes como florão (espécie de furinhos) recortados à laser.

Os oxfords estão bombando, em diversas modelagens e acabamentos nessa estação, proporcionam um forte impacto visual ao conjunto todo da produção, deixando assim, o look super antenado e nada óbvio.

Dá só uma olhada nas inspirações:

 1. Oxford de cabedal tradicional em preto envernizado, detalhes em florão por todo o cabedal, com cadarços pretos e solado fachetado marrom escuro, da Bebecê.

2. Oxford bicolor, preto e branco envernizado, cabedal ligeiramente de bico fino, parte da gáspea forma uma espécie de cap toe preto, contrastando com o branco e restante do calçado preto, detalhes em florão e cadarços igualmente pretos, da Emporio Naka.

3. Oxford com uma pegada meio flatform, solado tratorado branco, cabedal todo dourado metalizado com detalhes em florão e cadarços que seguem o tom do calçado, da Santa Lolla.

4. Oxford na cor paprica, cabedal com detalhes vazados, traseira lisa e com cadarço marrom claro, da Via Marte.

5. Oxford marrom de design tradicional, solado escuro, gáspea de material liso, extremidade e restante do cabedal em material acamurçado com cadarço marrom, da Bottero.

A grande vantagem, na minha opinião, desta vibe de modelagens de calçados, é que o resultado final, sai do padrão, ganhando assim, um perfume mais despojado, com mais personalidade e é possível de ser readequada a uma gama imensa de estilos, desde uma pegada mais glam, preppy, normocore, boyish entre tantas outras. Arrisque-se!

Tudo é permitido! Dependerá apenas da escolha das peças restantes.

É possível notar nas imagens dos looks (acima), que os oxfords caem bem com calças para uma produção mais dia a dia, até algo mais hi low com um vestido ultra feminino e como consequência, um resultado final ultra harmonioso.

Gostou? Me conta aqui nos comentários, ok?!

Bota Preta Envernizada

Hoje o assunto é um tanto quanto polêmico, porque sei que não é todo mundo que gosta! Mas, fato é que as botas envernizadas estão bombando, seja na modelagem que for, aparecem em diversas coleções outono/inverno de várias marcas. Os modelos vão desde ankle boots baixas, quase sem salto até as over the knees em saltos altíssimos e finos.

Dá só uma olhada nas inspirações:

1. Ankle boot preta envernizada, de salto alto fino, cabedal trabalhado com pregas e de bico fino, fechamento de zíper traseiro, da Schutz.

2. Ankle boot preta envernizada, de salto médio grosso, cabedal liso de bico redondo,  solado e salto fachetado em tom natural, fechamento de zíper nas laterais internas, da Cavage.

3. Bota de cano médio preta envernizada, com salto alto fino, cabedal de bico fino com costuras aparentes e fechamento de zíper traseiro, da Dumond.

4. Bota de cano longo preta envernizada, salto bloco médio, cabedal liso de bico arredondado, da Santa Lolla.

5. Bota de cano médio preta envernizada, salto grosso médio, cabedal liso de bico arredondado, da Stéphanie Classic.

Um modelo que se destaca entre tantos são as botas envernizadas de salto grosso médio e cano médio, elas são super estilosas, dão uma vibe meio rocker ou até mesmo boyish

Bota Chelsea Preta

Vira e mexe comento aqui, para o inverno poucos calçados são tão versáteis quanto uma boa bota. Cabem bem com uma gama enorme de produções e se forem pretas, elas se tornam ainda mais coringas. Ou seja, botas pretas são ótimas aquisições.
Hoje falo especialmente de um tipo de bota, a Chelsea Boot, elas vem do guarda roupa masculino, e nas últimas temporadas outono/inverno tem sido vista nas coleções de várias marcas.

 

As botas Chelsea se caracterizam por uma modelagem bem tradicional e sóbria, sem recortes, em geral com cabedal todo liso, cano baixo, saltos baixos ou médios grossos, laterais de elástico e fácil de calçar.
Dá uma olhada nas inspirações:

1. Chelsea boot de couro, salto baixo, cabedal liso de bico arredondado e elásticos nas laterais, com costuras arredondadas, da Bottero.

2. Chelsea boot com solado e salto baixo em bege claro, cabedal liso de material acamurçado com costuras aparentes, dando assim destaque para o design da bota e deixando os elásticos laterias mais discretos, da Crisalys.

3. Chelsea boot de couro, solto médio grosso, cabedal de bico fino, formando uma espécie de biqueira do mesmo material, que de destaca pela costura do calçado, elásticos laterais amplos e costurados como se fossem quadrados, da Luiza Barcelos.

4. Chelsea boot de material acamurçado, de salto médio grosso, cabedal de bico fino, cano um pouco mais alto em relação aos modelos anteriores, elástico que envolve as laterais e parte traseira do calçado, da Jorge Alex.

É possível notar que este modelo de bota é ideal para o dia a dia, super versátil para os mais diversos looks, que se pode escolher, desde os mais básicos até uma produção mais folk. É garantia de informação de moda e conforto!

Tênis Branco

Se tem uma tendência que esta bombando ultimamente são os tênis, é incrível como as marcas tem investido em modelagens, de diferentes estilos, de tênis. Mas, tem um modelo em especial que que virou hypetênis branco!
Este modelo é inspirado no Superstar, da Adidas que já há algumas temporadas tem sido super visto por aí, como sinônimo de gente cool, descolada e ao mesmo tempo antenado com a vibe “fiquei fashion assim, sem querer!

Dá uma olhada nas inspirações:

1. Modelo com solado mais alto, cabedal todo em branco de cadarços, passantes brancos, com transparências nas laterais, da Anacapri.

2. Modelo com solado médio, cabedal todo em branco de cadarços, com passantes prateados, da Bottero.

3. Modelo com solado baixo, de contorno preto, cabedal branco com costuras trabalhadas como detalhes, cadarços com passantes brancos e detalhe ligeiramente almofadado na parte superior traseira em dourado, da Dumond.

4. Modelo de solado alto, de contorno dourado, cabedal liso branco, de cadarços com detalhe central dourado, da Vizzano.

O tênis branco deixa a produção com um ar mais descompromissado e casual. Em geral o resultado final, independente da escolha das peças (calça, vestido, short, saia etc) fica interessante, sai das opções óbvias e enchem de personalidade o look.