Botinhas estilo Coachella – 2ª Edição

Ano passado já tinha feito um post com o mesmo título (eu sei!), falando das botinhas que sempre dão muita identidade aos looks vistos durante este festival, em que a moda é tão importante quanto a música. Por isso, este ano tem a sequência!

BeFunkyCollage2

As produções observadas no Coachella sempre tem uma mistura estilos desde o chapéu, passando pelas peças de roupas até os calçados, tudo isso com pitadas fortemente reconhecidas de boho; por conta das franjas, gipsy com correntes e algo meio western com a presença de fivelas. Entretanto, a grande protagonista destes looks são as botinhas, em geral de cano curto, mas com detalhes que fazem a diferença.

Dá uma olhadinha nas inspirações:

Slide1

  1. Bota preta de couro, de cano curto, com salto grosso e baixo, cabedal de bico redondo e 3 tiras com ponteiras e fivelas prateadas, da Cravo e Canela na Zattini.
  2. Bota cinza em material acamurçado, de cano curto, de salto grosso e baixo, cabedal de bico arredondado com desenhos em hotfix e 3 tiras com fivelas prateadas, da Luiza Barcelos na Zattini.
  3. Bota de couro na cor caramelo escuro, de salto médio grosso, cabedal de bico arredondado, de cano curto dobrado com detalhe de tiras, como se fosse um cinto que passa várias vezes ao redor do cano, com amarrações, hotfix e fivela, da Raphaella Booz na Zattini.
  4. Bota marrom claro, de camurça, de salto médio grosso, cabedal de bico redondo com ponteira desgastada, dando um efeito diferente de coloração, de cano curto e detalhes de 3 tiras desencontradas com fivelas e passantes em ouro velho, da Dumond na Zattini.

Todos este modelos de botinhas são fáceis de serem coordenados em propostas de looks à la Coachella, como não possuem saltos muito altos são confortáveis, práticos em momentos mais despojados e que destacam a produção com muita personalidade e presença.

 

Bota Branca

Você já notou como a cor branca tem aparecido em calçados ultimamente? Nas últimas coleções primavera/verão, as marcas apresentaram várias versões de sapatos nesta cor, desde scarpins, passando por sapatilhas e naturalmente, muitas sandálias em diversas modelagens. Assim como consequência, na presente temporada outono/inverno o calçado hit da estação, ou seja, as botas, vem com tudo nesta cor!

BeFunkyCollagelook

 

Dá uma olhada nestas inspirações:

Slide1

  1. Bota branca de cano baixo/médio, cabedal de bico fino e salto alto fino, da Arezzo.
  2. Bota branca de cano baixo/médio, cabedal de bico fino e salto alto grosso, da Loucos e Santos na Dafiti.
  3. Bota branca de cano curto, cabedal de bico redondo e salto médio grosso, da Schutz.
  4. Bota branca estilo chelsea, de cano curto, cabedal de bico redondo, solado tratorado preto e elástico preto nas laterais, da Dumond.

Sei que muita gente sente uma enorme dificuldade de usar principalmente botas brancas, já que não é uma cor usual de calçados de inverno, não é das opções mais fáceis de se coordenar com outras peças e, para muita gente, a cor carrega uma forte referência anos 80.

Porém, há um outro lado, é possível construir apenas com a mistura deste calçado uma produção cheia de identidade, por isso tente buscar uma modelagem de bota que você goste, ou seja, se te atrai bota de bico fino e salto alto fino, escolha por essa, mas se sua preferência for por uma modelagem de solado mais pesado e quase sem salto, se arrisque nas estilo chelsea ou coturnos.

Sapatilha Red Fever

Não faz muito tempo apresentei por aqui uma série de sapatilhas coloridas, lembra?! Na ocasião abordei caso a caso, como combinar as cores e em um post em especial destaquei as sapatilhas vermelhas. Pois muito bem, nesta temporada outono/inverno 2018 o vermelho vem como uma tendência forte, sendo chamado de Red Fever, ou seja, trata-se desta vez, de um vermelho em tom alaranjado, bem aberto e marcante.

BeFunkyCollagelook

Vem dar uma espiada nas opções de modelagens:

Slide1

  1. Sapatilha red fever envernizada, cadebal de bico redondo com detalhes de franjas e laço, da Anacapri.
  2. Sapatilha red fever estilo slingback, cabedal de bico fino e parte traseira aberta, da Divalesi.
  3. Sapatilha red fever com design diferenciado, com referências tipo loafer e decote mais alto, da Vicenza.

Uma boa dica se você tem certo receio de pesar a mão na hora de montar a produção, mas deseja acrescentar um toque de modernidade, é se arriscar com pitadas da cor. Isso nada mais é que, tentar adicionar detalhes como: bolsas, brincos, colares, pulseiras, lenços e calçados. Assim, você irá evidenciar informação de moda e ao mesmo tempo, dar mais personalidade aos looks.

Sock Boots

O outono nem bem começou no país, e na região sul, os dias tem alternado bastante de temperatura, mas já temos tido dias mais frios, tanto é que outro dia já tivemos a presença na friagem por aqui e isso implica em montar produções mais quentinhas.

A partir do momento em que começamos a perceber os dias mais gelados e provavelmente, mais úmidos, por causa das chuvas, um dos calçados coringa são as botas, que a cada estação vem com mais opções, cheias de estilo e identidade, para todos os gostos.

BeFunkyCollagelookmeias

O tema é a sock boot é um modelo de bota de cano médio para baixo que tem cara de meia. Na verdade, a ideia é essa mesma, parecer que você vestiu uma meia por cima da bota, isso tudo cria um outfit com mais atitude e presença.

Vem ver alguns modelos:

Slide1

 

  1. Sock boot preta de tricot em material sintético, cabedal de bico fino, de cano médio/baixo e salto alto fino, da Colcci na Zattini.
  2. Sock boot red fever em malha com detalhes trabalhados, em material sintético, cabedal de bico fino, cano médio/baixo e salto alto fino, da Tanara na Zattini.
  3. Sock boot em malha mescla em tom acinzentado, cabedal de bico fino, cano curto e salto grosso médio, da Santa Lolla na Zattini. 
  4. Sock boot vermelha canelada, em material sintético, cabedal de bico arredondado, cano médio e salto grosso médio, da Dakota na Zattini.
  5. Sock boot preta em material esportivo, cabedal de bico fino, cano curto/médio, detalhe traseiro e salto alto grosso em acabamento verniz, da Jorge Bischoff na Zattini.

O grande diferencial deste modelo de bota é que oferece a possibilidade de sair do look comum de inverno, muito óbvio, sóbrio e sem graça. Mas, sim destacar a produção com mais presença e autenticidade.

Por outro lado, acho importante destacar que na hora que você for experimentar este tipo de calçado, observe se é bem estruturado na parte interna, dê preferência para os modelos mais “durinhos” por dentro, pois se isso não ocorrer e o salto for alto é fácil você ter dificuldade ao se equilibrar e até propiciar uma virada de pé. Pense nisso!

Sapatilha Príncipe de Gales

Você notou como a estampa tipo Príncipe de Gales está em alta? Esta promete ser forte tendência nesta temporada outono/inverno, aliás ela tem um “perfume” bem adequado para os dias mais frios, com tons acinzentados ou em preto em riscos irregulares, o que confere mais personalidade por conta do toque dos riscos em vermelho e também, é uma estampa mais comum em produções masculinas, em peças de alfaiataria como ternos e casacos.

BeFunkyCollagepw

E assim como nas peças de roupas, a estampa se apresenta de modo imponente, neste outono/inverno em algumas opções de calçados baixos, especialmente, nas sapatilhas:

Slide1

  1. Sapatilha aberta com estampa Príncipe de Gales, de gáspea de bico fino, parte traseira aberta com tira que envolve o calcanhar e fechamento de tira com fivela na parte do tornozelo, da Drezzup na Zattini.
  2. Sapatilha com estampa Príncipe de Gales, cabedal de fico fino suave, de design tradicional, da Moleca na Zattini.
  3. Sapatilha com estampa Príncipe de Gales de estilo esportivo, com referência de slipper, solado branco e vira vermelho, que contorna todo o acabamento superior do calçado, da Beira Rio na Zattini.
  4. Slipon matelassê com estampa Príncipe de Gales, com solado branco alto e acabamento superior em vira preto, da Dumond na Zattini.

 

Em looks femininos com estilo boyish ficam bem interessantes para sair do óbvio nos dias mais frios, e naturalmente em peças mais clássicas como blazers e casacos femininos dão um ar mais tradicional e sofisticado. Aproveite esta tendência para criar a sua própria identidade na sua produção, de forma autêntica, moderna e antenada.