Scarpin estilo Gucci

Os scarpins cada vez mais vem ganhando novas propostas, saindo daquela modelagem tradicional. Naturalmente, que o clássico scarpin é indispensável no guarda roupa, porque cai bem com praticamente todas os looks, adiciona uma informação mais sofisticada e elegante à produção. No entanto, é interessante experimentar outras opções de calçados e modelagens menos convencionais, inclusive para dar mais autenticidade.

Nesta temporada outono/inverno os scarpins se apresentam em modelagens mais arrojadas e cheias de atitude, como é o caso dos scarpins estilo Gucci, que se caracteriza por ter um cabedal de ponta quadrada arredondada, inspirado nos mocassins, a pala recortada com detalhe franjado e salto quadrado grosso médio/alto.

scarpinfranjas

Dá só uma olhadinha nas inspirações:

selecfranjas

  1. Scarpin de cabedal com pala recortada, detalhe franjado com fivela grande de pedrarias na lateral externa, bico arredondado e salto médio/alto grosso, em material acamurçado na cor preta, da Luiza Barcelos na Zattini.
  2. Scarpin de cabedal de bico quadrado com pala recortada, detalhe franjado com mini fivela forrada do mesmo material do calçado nas laterais externas e salto alto grosso, em material sintético na cor nude rosado, da Polo London Club na Dafiti.
  3. Scarpin na cor grafite metalizado, de material sintético, cabedal com bico redondo e pala recortada, com detalhe franjado e monograma prata nas laterais externas, e salto alto grosso, da Dumond na Zattini.
  4. Scarpin vermelho em material sintético acamurçado, de salto grosso médio, cabedal de bico redondo com pala recortada, detalhes franjados e fivela decorativa prata nas laterais externas, da Shoestock na Zattini.

O scarpin com referências Gucci é um ótimo artifício para tirar qualquer produção do óbvio, ressaltando assim, mais personalidade e estilo . Na hora de coordenar com outras peças é versátil da mesma maneira que os clássicos scarpins, entretanto, revela um ar mais informal, com uma imagem mais moderna, bem descolada e com referências do guarda roupa masculino.

 

D’orsay com Tornozeleira

Sabe aquele tipo de produção que tem um toque incomum? Pois bem, essa é a proposta dos modelos d’orsay da estação, trata-se de uma tendência de calçado que revela mais personalidade no resultado final do look.

O d’orsay tradicional caracteriza-se por ser um calçado com parte traseira fechada, gáspea de bico fino e salto alto e fino, geralmente para ocasiões formais. Entretanto, neste outono/inverno o d’orsay se apresenta mais informal, com modelagens que variam de tipo de gáspea de bico; suavemente fino, arredondado ou suavemente quadrado, com salto grosso de altura média a alta, parte traseira fechada e com a adição de uma tornozeleira, o que confere maior segurança ao caminhar e também, uma autenticidade bem particular à produção.

eelmaryjaneblockh

Dá uma olhadinha nas inspirações:

Slide1

  1. D’orsay vermelho de acabamento sintético, com gáspea de bico redondo, parte traseira fechada acompanhada de tornozeleira e salto médio grosso, da Amaro.
  2. D’orsay preto desenvolvido em sintético e com acabamento envernizado, com gáspea de bico fino, parte traseira fechada com tornozeleira e salto baixo grosso, da Drezzup na Zattini.
  3. D’orsay nude com acabamento sintético, gáspea de bico fino, parte traseira fechada com tornozeleira e salto grosso médio, da Shoestock na Zattini.
  4. D’orsay na cor vinho, com acabamento de textura croco, gáspea de bico redondo, parte traseira fechada com tornozeleira e salto grosso médio, da Tabita.

O grande diferencial desta proposta é incrementar o resultado final da sua produção com mais originalidade na hora de coordenar o look. Além disso, é uma ótima opção de calçado para quem precisa usar salto todos os dias, pois oferece mais comodidade pelo fato de ser um salto mais grosso e portanto mais estável, se comparado aos clássicos alto e fino, por exemplo.

Scarpin de salto baixo vermelho envernizado

Nesta temporada outono/inverno os scarpins estão bastante presentes, nas mais diversas cores, acabamentos, saltos e modelagens. Mas, hoje o tema a ser destacado é tendência nesta estação: o scarpin vermelho, de acabamento envernizado e salto baixo e grosso, podendo variar a modelagem do cabedal; entre bico fino ou bico redondo e também, há opções de saltos quadrados e arredondados, porém sempre em versões baixas, revelando assim, mais uma proposta de calçado entre um scarpin e uma sapatilha.

lowheelredoutfit (1)

Dá só uma olhadinha nesta opções:

red

  1. Scarpin vermelho envernizado, cabedal de bico suavemente fino, salto quadrado baixo, da Arezzo.
  2. Scarpin vermelho envernizado, cabedal de bico fino e salto quadrado baixo, da Bebecê na Dafiti.
  3. Scarpin vermelho envernizado, cabedal de bico suavemente fino e salto bloco baixo, da Griffe na Zattini.
  4. Scarpin vermelho envernizado, cabedal de bico fino e salto baixo arredondado, da Drezzup na Zattini.

O grande trunfo do scarpin vermelho envernizado, de salto baixo é ser um ótimo artifício para transformar sua produção de dia a dia, seja ela qual for; uma coordenação de peças com um toque mais esportivo, ou aquele look mais glam em que você quer colocar um ponto focal nos pés, sem ser um saltão. Além da vantagem de ser um calçado que tira do óbvio a produção, acrescentando mais modernidade, informação de moda e um mood mais despojado ao look.

Scarpin de Salto Grosso

Não quero ser repetitiva, sei que sempre ressalto aqui a importância de ter um scarpin no guarda roupa, que é um eterno clássico e dá um toque especial na produção. Agora nesta temporada outono/inverno 2018 o scarpin se apresenta em propostas com salto de médio/alto grosso, o que é uma excelente opção para looks de trabalho e cansa menos que o modelo tradicional de salto fino, pois promove mais estabilidade ao caminhar.

scarpin salto grosso2

Dá só uma olhada nas inspirações:

selecaoscarpin saltogrosso

  1. Scarpin de salto grosso médio/alto, cabedal de bico fino com decote V e desenvolvido em nobuck na cor ameixa, da Carrano.
  2. Scarpin de salto grosso alto, cabedal de bico fino com decote arredondado, produzido em material sintético, na cor caramelo, da Via Uno na Zattini.
  3. Scarpin de salto alto grosso, cabedal de bico redondo, com decote arredondado mais fechado, em material sintético, na cor nude, com acabamento envernizado, da Ala na Zattini.
  4. Scarpin de salto médio/alto grosso, cabedal de bico redondo com decote arredondado, desenvolvido na cor preta e com acabamento envernizado, da Arezzo.

A grande vantagem desta opção de scarpin é proporcionar ao look dia a dia uma informação de moda, já que é mais despojado, dando assim um ar mais moderninho à produção e também, mais cômodo para quem precisa trabalhar com salto todos os dias.

Tênis Jogging de Malha

O tênis de malha tornou-se queridinho das fashionistas há um tempinho, quando a Balenciaga lançou um modelo jogging, inspirado nas modelagens de academia, com o solado branco e ganhou super destaque por ter o cabedal todo em malha, o que proporciona uma estética confy e naturalmente, uma calçado muito confortável, maleável. Assim, as marcas brasileiras correram atrás e desenvolveram suas versões.

BeFunky-knitsneakes

Este modelo é também chamado de knit sneaker e há duas versões: com cabedal em peça única, como se fosse uma meia ou a versão de amarrar, com cadarços. Ambas, se destacam por oferecer extremo conforto.

Dá só uma olhada nas inspirações:

Slide1

  1. Tênis jogging com solado branco, cabedal de malha de tela na cor preta, com puxador na parte traseira e no peito do pé, detalhe no calcanhar com acabamento rosé gold, da Vizzano na Zattini.
  2. Tênis jogging com solado branco, cabedal de malha nude rosé com alças laterais de plástico para passagem dos cadarços, da Modare na Zattini.
  3. Tênis jogging com solado branco, cabedal de malha em lurex cinza com puxador traseiro, da Anacapri.
  4. Tênis jogging com solado branco, parte inferior e biqueira em preto, cabedal em malha vermelha e detalhe na parte traseira com elástico preto com a marca, da Bebecê na Zattini.

O tênis jogging é uma opção que acrescenta informação de moda, deixando aos looks de inverno mais autênticos e despojados. Na hora de montar a produção, lembre-se que é uma ótima opção para sair do óbvio e adiciona um toque mais informal, podendo ser coordenado com saias midi, vestidos de modelagens mais slim, calças jeans skinning, boyfriend, destroyed, reta etc. Ou seja, o fundamental é você construir a sua identidade com esta proposta de tênis.

Tênis Flat Nude

Você já notou como, de uns tempos para cá, os tênis tem aparecido nas coleções? Não que algum dia eles tenham deixado de existir, mas o que se nota é que as marcas especializadas em calçados femininos tem se empenhado cada vez mais, em apresentar modelos de tênis mais atrativos para a mulherada.

Assim, hoje é a vez de destacar os tênis flat, trata-se da modelagem que possui um cabedal baixo e simples em nude, que normalmente é “abraçado” por um solado branco que destaca a estética do calçado. Tudo isso resulta em uma produção com um toque mais despojado, buscando uma essência mais confortável, porém sem deixar de ser super feminina.

BeFunky-blushnude tenis

Dá só uma olhada nas inspirações:

Slide1

  1. Tênis flat nude rosé de material sintético, cabedal com detalhes laterais em matelassê, cadarços e solado branco, da Vizzano na Zattini.
  2. Tênis flat nude rosé em material sintético, cabedal com acabamento envernizado, solado branco e cadarços nude rosé, da Dafiti Shoes.
  3. Tênis flat nude blush em material sintético, cabedal liso com acabamento fosco, cadarços da mesma cor e solado branco alto, da Anacapri.
  4. Tênis flat nude rosé em veludo, cabedal com detalhes de pérolas e termocolantes grandes e pequenos dourado aplicados nas laterais, cadarços em nude rosé e solado branco, da Bebecê na Passarela.

Esta modelagem de tênis é uma excelente opção para aqueles momentos mais relax, que não se exige tanta formalidade, são fáceis de se coordenar com os mais variados looks dia a dia, garantem informação de moda, proporcionam delicadeza e uma imagem confy à produção .

 

 

Chelsea Boot Marrom

A bota Chelsea não é exatamente uma novidade em calçados, é uma modelagem de bota super conhecida, inspirado na sapataria clássica inglesa masculina dos anos 1960. Entra temporada sai temporada, elas aparecem sempre como uma opção básica, tradicional e super prática de calçar e coordenar peças nos dias frios em looks feminos.

Trata-se de um tipo de moda de construção bem simples; cabedal de cano curto, em peça única com puxador na parte traseira, elástico nas laterais e sem salto. Fazendo um breve apanhado histórico, as botas Chelsea vem do guarda roupa masculino (como citei acima), mas com o tempo as marcas de calçados femininos foram criando suas versões e assim, destacando um mood mais britânico, boyish e também minimalista às produções.

BeFunky-chelsea (1)

As clássicas Chelsea aparecem diferentes tons de marrom (caramelo, chocolate, tons avermelhados e marrom escuro), deixando a produção de inverno menos monocromática e por vezes mais quente.

Dá só uma olhada nas inspirações:

Slide1

  1. Chelsea boot caramelo amarelado, em couro com acabamento acamurçado, cabedal em peça única com elástico nas laterais da mesma cor e solado de borracha com detalhe pespontado na vira, da Loucos & Santos na Zattini. 
  2. Chelsea boot caramelo avermelhado, em couro com acabamento nobuck, cabedal em peça única, com detalhe de mini strass ao redor dos elásticos laterais, puxador na parte traseira, solado de borracha com acabamento de vira pespontado, da Jorge Alex na Zattini.
  3. Chelsea boot marrom achocolatado, em couro de acabamento atanado, cabedal em peça única com elástico nas laterais, puxador traseiro e presença de um passante na parte média do tornozelo para utilização de cinto franjado removível, da Shoestock na Zattini.
  4. Chelsea boot marrom café em couro, cabedal em peças distintas unidas por costura aparente pespontada nas laterais ao redor do elástico e com solado de borracha, da Jorge Bischoff na Zattini.

 

O grande diferencial das botas Chelsea é a praticidade de calçar, de montar uma produção de inverno, é uma ótima opção de bota para o dia a dia, para quem busca um calçado confortável, sem salto e que deixe a produção com toque despojado e moderninho.

Slouch boot

Como em todo inverno as botas chegam em mil e uma versões, para todos os gostos e também com muita informação de moda sobre o que está rolando por aí.

Nesta temporada outono/inverno uma das tendências em botas é a modelagem slouch, ou seja, aquele tipo de cano com aspecto ‘molengo”, que quando calçado fica todo enrugado, com canos de diversas alturas e salto cone.

BeFunky Collageslouch

Dá só uma espiadinha nas inspirações:

Slide1

  1. Slouch boot preta, de couro, cabedal de bico fino, cano de altura média/baixa e salto cone, da Santa Lolla.
  2. Slouch boot na cor mel, em camurça, cabedal de bico fino, cano médio/alto e salto cone, da Luiza Barcelos.
  3. Slouch boot caramelo, em couro, cabedal de bico arredondado, cano médio/baixo e salto cone, da Bottero na Zattini. 
  4. Slouch boot preta, de couro, cabedal de bico fino, cano curto e salto cone, da Raphaella Booz na Zattini.

 

As botas slouch são uma boa opção, seja em canos mais altos ou curtos, para compor um look de inverno moderno. Outra vantagem é o fato de ter salto cone, que cansam menos que os modelos de botas com saltos finos, proporcionando assim uma elegância inata dos saltos, mas com um toque mais despojado e antenado com as tendências.

Bota Preta com salto cone

A bota preta é um dos itens indispensáveis para os looks de inverno, não é mesmo?! Mas, que tal apostar numa modelagem diferente? Nesta temporada outono/inverno uma das apostas para as botas são os saltos cone ou também chamado de casquinha de sorvete. Trata-se de um salto que dá um peso maior à produção, mais robusto e justamente por este fato oferece mais estabilidade ao caminhar com o calçado.

As propostas de botas com salto cone nesta estação são muitas, mas hoje vamos nos ater na modelagem de cano baixo e médio.

BeFunky CollageBOTA PRETA SALTO CONE

Dá uma olhada nas inspirações:

Slide1

  1. Bota preta em couro, com cabedal de bico fino, cano curto com elástico nas laterais estilo Chelsea boot e salto cone, da Jorge Bischoff na Zattini.
  2. Bota preta em couro, cabedal de bico fino, cano curto com zíper lateral aparente e salto cone, da Raphaella Booz na Zattini.
  3. Bota preta em couro, cabedal de bico fino, cano médio com detalhe na lateral externa de elástico listrado e salto cone, da Luiza Barcelos na Zattini.
  4. Bota preta em couro, cabedal de bico fino, cano médio e salto cone, da Santa Lolla na Zattini.

A bota preta com salto cone é perfeitas para produções mais informais, facilmente coordenáveis com peças mais despojadas e uma ótima opção parao dia a dia, deixa o look menos careta e mais ousado, destacando mais identidade para quem as usa.

 

Transparência

Sabe aquela modelagem clássica do scarpin? Pois bem, dessa vez, ele ganhou uma releitura, um perfume mais moderninho, que fará toda a diferença no resultado final do look.

A tendência nesta temporada outono/inverno são os scarpins com vinil, dando um efeito mais descolado na produção, isso porque quase sempre possuem cabedal com laterais transparentes, um detalhe tipo cap toe na parte frontal e traseira, em cores e acabamentos acamurçados ou envernizados.

BeFunky-projectsalome

Dá só uma olhada nas inspirações:

Slide1

  1. Scarpin com cabedal de bico fino, de salto alto fino, com laterais transparentes em vinil, detalhes na parte traseira e frontal em preto com acabamento envernizado, da Schutz.
  2. Scarpin com cabedal de bico fino, de salto alto fino, com laterais transparentes em vinil, detalhes na parte frontal e traseira de material sintético com acabamento acamurçado vermelho, da Mixage na Zattini.
  3. Scarpin com cabedal de bico fino, de salto alto fino, com laterias transparentes em vinil, detalhes na parte frontal e traseira em nude envernizado, da Shoes in Box na Zattini.
  4. Modelo de d’orsay de salto alto fino, com gáspea de bico fino em nobuck preto com detalhes em vinil transparente, laterais abertas, parte traseira em nobuck preto com detalhes em vinil transparente com tornozeleira, da Vicenza.

Os scarpins e d’orsays em vinil transparente deixam a produção mais original, dão mais identidade para quem os usa. Na hora de coordenar os looks pense em produções onde se permita um toque mais informal e moderno, algo meio girlie ou glam, por exemplo.