Espadrille Bico fino

Domingo sempre é um dia mais relax e que devemos usar e abusar das opções de calçados sem salto, né?! Portanto, uma opção, dentre tantas outras, são modelos de espadrille, um calçado com aspecto mais rústico, com solado de corda, mas que adiciona muita personalidade para qualquer produção.

espadrillepunta.jpg

Como é o caso deste modelo de espadrille com referências do d’orsay, ou seja, o cabedal é separado em gáspea e traseira, neste caso a gáspea se apresenta em bico fino em algum tipo de fibra natural (ou sintética), parte traseira preta com detalhes deste mesmo material e amarrações, tipo lace up, com trama harmônica de mesmo tipo de acabamento e solado de corda.

Na hora de coordenar a produção inspire-se em vestidos boho, hippie ou gipsy, bem fluídos e esvoaçantes. Entretanto, também ficam interessantes se combinados com short e blusa ombro a ombro, ou até mesmo o clássico calça jeans e camiseta, resultando em muito estilo e identidade.

Calçados de Casamento: Espadrille – Curadoria Especial

A espadrille é um tipo de calçado mais informal perfeito para aquelas noivas que vão fazer a festa e cerimônia em um local mais aberto, com terrenos mais irregulares como praia ou campo, por exemplo.

Naturalmente que; tudo depende do desejo e personalidade da noiva, ou seja, se você vai casar no campo, mas sonha em ir de scarpin, vá! É a sua escolha e você está ciente disso, com todas as vantagens e desvantagens!

Mas, vamos falar especialmente das espadrilles? Trata-se de um calçado que possui solado e salto em peça única, em formato de cunha e com acabamento de corda. Já na parte frontal, a gáspea costuma ser fechada e a parte traseira pode variar; sendo aberta com amarrações estilo lace up, ou fechada com fechamento estilo tornozeleira ou então, tira com fivela.

BeFunkyCollageespadrillelook

Dá uma olhada nas inspirações:

Slide1

  1. Espadrille branca, solado de corda, gáspea rendada e fechamento tipo tornozeleira com fivela, da Sensuale na Passarela.
  2. Espadrille em nude rosado, solado de corda, gáspea em cetim com biqueira de corda e aplicação de ilhós no centro superior, parte traseira fechada com aplicações de ilhós na laterais por onde passa a fita para amarração tipo lace up, da Bebecê na Passarela.
  3. Espadrille com gáspea bege em material acamurçado com ponteira de corda, solado de corda, parte traseira aberta com fechamento de tira e fivela, da Santa Lolla na Zattini.
  4. Espadrille com gáspea na cor ouro, em material sintético com acabamento metalizado e ponteira de corda, solado de corda, parte traseira aberta em material têxtil e tira de fechamento com fivela, da Jorge Alex na Zattini.

 

O grande trunfo das espadrilles é que trazem aos looks de noivas uma imagem mais desconstruída, com referências dos estilos boho e gipsy, menos glamourosa, porém super feminina e autêntica.

É um calçado que oferece mais estabilidade ao caminhar, se comparado a saltos muito altos. Mas, lembre-se da velha máxima que sempre cito aqui: se for um calçado novo, comprado exclusivamente para ser o “SEU” sapato de noiva, use-o antes da data oficial, assim você poderá saber se este realmente é seguro, se é exatamente como sonhou, se provoca algum tipo de incômodo em alguma parte do seu pé e deste modo, poderá tomar as devidas providências, caso sejam necessárias, antes do dia do casamento.

Espadrille Flat

A espadrille flat é perfeita para as mulheres que gostam de calçados baixos, pois é trata-se de um calçado com a modelagem idêntica, ou seja, gáspea fechada, parte traseira variando entre aberta e fechada com tiras do tipo tornozeleira com fivela para fechamento ou então, amarração ajustável. Entretanto agora em uma nova versão flat, mais jovial e descoladinha.

Slide1

Dá só uma espiadinha nas inspirações:

Slide2

  1. Espadrille flat com solado de corda, gáspea em nobuck preta e ponteira de corda, parte traseira fechada em nobuck preto e amarração ajustável, da Andatti na Zattini.
  2. Espadrille flat com solado de corda, gáspea em jeans, ponteira de corda e debrum marrom, parte traseira fechada em marrom com tornozeleira e fivela para fechamento, da Drezzup na Zattini.
  3. Espadrille flat com solado de corda, gáspea em palhinha, parte traseira aberta de mesmo material com aplicação de ilhós e amarração ajustável, da Amaro na Zattini.
  4. Espadrille flat com solado de corda, gáspea em tecido de listras dourado e branco com ponteira de corda, parte traseira aberta com tiras marrons, tornozeleira e fivela para fechamento, da Via Marte na Zattini.

Sabe aquele tipo de calçado que você olha e diz que é a cara dos domingos ou de dias mais relaxados? Pois é, é exatamente esse o caso das espadrilles flats, estas transmitem uma imagem mais descompromissada, mas sem perder a delicadeza e beleza da proposta dos looks, sendo assim, fáceis e práticos de se coordenar com peças mais fluídas e frescas, como a estação mais quente do ano pede.

Espadrille Clássica

Espadrille ou espadrilhe?

Na verdade… tanto faz, originalmente a palavra que dá nome à este calçado é de origem espanhola, por isso, com dois “ll”, mas aportuguesando este sapato que virou queridinho das mulheres e é também chamado espadrilhe.

A espadrille já pode ser considerada um modelo assandalhado clássico de verão. Ultimamente tem aparecido em todas as temporadas, mantendo sempre um estilo mais descontraído e super interessante para looks de calor.

O modelo clássico deste calçado se destaca por possuir salto anabela, com acabamento de corda, cabedal feito de algum material têxtil (lona, jeans, linhão etc), é fechado na parte frontal até a altura do peito do pé e a parte traseira pode ser aberta ou fechada unida a algum tipo de sistema de fechamento, como tiras e fivelas ou amarrações.

Slide1

Dá só uma espiadinha nas opções:

Slide2

  1. Espadrillhe com solto anabela e acabamento de corda, gáspea (parte frontal) em jean, parte traseira em linho que deixa o calcanhar aparente e amarração ajustável, da Andatti na Zattini.
  2. Espadrille com solto anabela e acabamento de corda, gáspea em acabamento cobra com ponteira de corda, tira traseira larga em corda e fechamento do tipo tornozeleira com fivela, da Santa Lolla na Zattini.
  3. Espadrille com salto anabela e acabamento de corda, costuras aparentes, gáspea caramelo em material acamurçado e ponteira de corda, parte traseira aberta com tiras largas que envolvem o calcanhar e tira fina no peito do pé com fivela para fechamento, da Drezzup na Zattini. 
  4. Espadrille com saldo anabela e acabamento de corda, gáspea vermelha em couro com detalhe de ponteira de corda, parte traseira aberta com amarração ajustável em material têxtil , da Dumond na Zattini.

As espadrilles clássicas são uma ótima opção para produções de verão e dias mais frescos, podendo ser facilmente coordenáveis com várias peças, é um modelo de calçado que traz uma referência mais relaxada e descontraída, perfeita para praia, looks mais hippie chic, boho, gipsy e até um glam desconstruído. Vale tudo! Apenas, é importante pensar que este não é um calçado ideal para ambientes de trabalho muito formais, mas fora desta situação deixará seu look incrível, confortável e super feminino.

Espadrilles

A espadrille é um modelo originalmente criado pelos espanhóis e se caracteriza por possuir salto anabela, coberto por um acabamento de corda e sempre uma referência mais rústica e artesanal, que traz à tona um frescor super adequado para um calçado de verão. Nesta temporada primavera/verão 2016 as espadrilles continuam como um modelo de calçado super tendência.

 

Dá só uma olhada nas inspirações:

1. Espadrille com gáspea de listras brancas e vermelhas, estilo navy, ponteira de corda e traseira marrom com tornozeleira, da mesma cor, da Bottero.

2. Espadrille com gáspea de estampa floral, estilo romântico, de ponteira de corda, traseira e tornozeleira nude, da Dakota.

3. Espadrille com gáspea azul clara tramada, traseira vazada em linho e tornozeleira bege, com um toque artesanal, boho chic, da Raphaella Booz.

4. Espadrille com gáspea de estampa étnica, ponteira de corda, traseira vazada e tiras entrecruzadas finalizando no tornozelo, da Tanara.

As espadrilles estão super versáteis, disponíveis para os mais diversos estilos e alturas, desde as mais discretas até as mais impactantes.

O grande diferencial desta modelagem de sandália é que; por terem a parte frontal fechada, trazem um frescor, que é a cara das estações mais quentes, mas ao mesmo tempo ajudam a manter equilibrada a temperatura dos pés, em dias não tão quentes, também.

Na hora de montar a produção ficam bem com qualquer peça de verão, desde calças ou shorts jeans, vestidos estampados e saias, deixando o look com um toque bem feminino.

Hecho en España

Recentemente descobri uma marca espanhola de calçados, criada no ano passado (2015), com o objetivo de modernizar um calçado tão tipicamente espanhol como é o caso das alpargatas e espadrilles, para trazer um diferencial mais moderno e arrojado.

Hace muy poco tiempo conocí a una marca española de zapatos, creada en 2015 con el objetivo de traer a los zapatos tan tipicos de España como son las espardeñas e las espadrilles, una identidad distinta, más fresca y moderna.

A ideia era que ao mesmo tempo pudesse conservar toda a história que estes calçados já possuem, por ser algo tão nativo e somado a isso, pudesse ser destacado um valor adicional que demonstrasse informação de moda e estilo, nascia assim o espírito da marca Submarina.

En principio lo que se buscaba era que estos zapatos conservaran la história, como algo tan nativo, pero agregarles más en el produto, con información de moda y además, mucho estilo. Entonces, nascia el alma de Submarina.

A marca está atenta em manter as características destes calçados tipicamente espanhóis em modelagens, que de destacam por serem únicas e simples, tanto das alpargatas quanto das espadrillles. Querem também, que as mulheres percebam a preocupação com materiais diferenciados, como é o caso da espadrille de paetês ou então das cores vibrantes das alpargatas. Toda essa atenção nos produtos revelando assim, um mood moderno, despojado e descontraído.

La marca se preocupa en mantener la esencia del calzado tipicamente español en modelajes sencillas y lijeras, tanto de las espadeñas como de las espadrilles. Desean también, que las mujeres si den cuenta de que hay un cuidado especial acerca de  los materiales  y los colores marcantes. Todo esto se revela en un imágen de una mujer moderna y relajada, pero siempre atenta a la moda.

Que tal patches?

Você já deve ter percebido por aí como os patches estão na moda ultimamente, né?! Sejam em acessórios ou peças de roupas a mania de customização tomou conta, tem para todos os gostos, patches pequenos, médios, grandes, coloridos ou em cores mais neutras, motivos pop ou algo mais cool. Opções não faltam!

A marca brasileira Valentina resolveu entrar na onda e desenvolveu modelos de espadrilles e slip on para serem customizados com os patches.

 

Sabe o que é mais legal? É que estes patches são imãns, você pode montar de acordo com sua preferência, você é quem escolhe os motivos, todos são bem cultura pop e com referências aos emojis.

Funciona assim: você compra o calçado, customiza à sua maneira comprando os patches separadamente.

Uma graça não é mesmo?!

Escolha o seu e divirta-se!

Floral

Uma das apostas para dar mais estilo aos calçados para o verão 2015, são os modelos florais que se adaptam super bem a qualquer produção mais básica, dão aquela levantada no visual, deixam mais alegres e com super personalidade.

Dá só uma olhada, nas inspirações, por aqui:

Sapatilha floral com detalhe de pedrarias no laço, da Emporio Naka.

Espadrille para aqueles dias não tão quentes com cabedal em tecido floral e solado de corda, da Corello.

Sandália anabela “baphônica” suuuper fashion em magenta e solado floral, da My Shoes.

Sandália de salto fino alto, de fundo escuro e flores vermelhas e detalhes brancos, ar minimal, ideal para uma produção pouco elaborada em cores, deixando todo o diferencial por conta da personalidade da sandália, da Schutz.

Sandália rasteira, super fresquinha floral alegre, ideal para o dia a dia, da Luiza Barcelos.

O verão é a cara da cor, com muitas flores o que nos permite deixar a produção mais alegre. Mas, lembre-se tudo é uma questão de equilíbrio, ousou nas cores do calçado, busque poucos elementos no restante do look. E divirta-se!

Espadrille

O Release das estações das próximas semanas será um pouco diferente do que de costume, a ideia é apresentar as principais tendências de calçados, focando nos modelos, para a próxima estação.
Acompanhe porque vai ter coisas bem legais por aqui, hein?!
Hoje é sobre as espadrilles, estas opções super charmosinhas de sandálias vão estar em alta no nosso próximo verão.
Várias marcas estão investindo neste modelo de calçado, típico por ter solado de corda, dá uma olhada nos que eu andei pesquisando por aí!
 

 1. Coleção Além do Horizonte, Lili –  Bottero.

2. Espadrille de renda e gorgurão – Arezzo.

3. Espadrille Zebra – Santa Lolla.

4. Espadrille Tri Chocolate – Schutz

 5. Espadrille Onça – Dumond.

6. Espadrille Floral – Pink Connection.

7. Espadrille Goiaba – Luz da Lua.

Os estilos estão bem variados tem estampado animal print, zebra e onça, floral, rendado, trançado, versões abertas e fechadas e tecidos lisos para as mais básicas. É só escolher a sua preferida!