Calçados de Casamento: Modelos e Modelagem – Scarpin

No último post sobre calçados de casamento falamos sobre a importância da segurança e conforto na hora da escolha do calçado perfeito para noivas. A partir de agora, a ideia é te trazer inspirações de modelos e modelagens, ou seja, mostrar opções. Mas, antes vamos entender o seguinte: a diferença entre modelos e modelagem.

  • Modelos: tipos diferentes de calçados, por exemplo: scarpin, sandália, peep toe, ankle boot, d’orsay etc.
  • Modelagem:  entre modelos, eles se diferenciam dentro de um mesmo tipo, ou seja, scarpin de salto alto ou baixo, fino ou grosso, sapatilha bico fino ou bico redondo, bota de cano curto ou cano longo, sandália de tira ou tiras cruzadas etc.

1MODELOS E MODELAGENSPicMonkey Collage

Por isso, levando em conta todas aquelas informações (cerimônia, estilo, hábitos, segurança e conforto)  que já tinha citado anteriormente, que são fundamentais para ajudar na escolha de um calçado adequado, hoje destaco aqui modelagens diferentes de scarpin.

Imagine que você já pensou com todo cuidado, sobre todos os itens citados acima e já se decidiu que o modelo será um scarpin, mas está na dúvida de qual modelagem optar. Então, aqui vão algumas ideias:

 

scarpin'1PicMonkey Collage

O scarpin é um calçado de modelagem clássica, que de modo geral, cabe bem com qualquer coordenação de looks e oferece maior segurança às noivas, em relação à uma sandália, por exemplo.

3scarpePicMonkey Collage

O interessante do scarpin é que por ele já ter uma imagem tradicionalmente mais sofisticada, quando escolhido para ser o calçado da noiva, vale a pena se atentar para acabamentos que adicionem essa informação de nobreza, como forrados de rendas, bordados de canutilhos, detalhes no centro do pé como flores, ou até mesmo acrescentar mais personalidade e autenticidade, com modelos coloridos – que contrastam com o vestido- e acabamentos metalizados.

Já no que se refere a modelagem, é importante pensar na maneira como normalmente seu pé se comporta com scarpins, isso significa: observar se seu pé é mais gordinho e incha com mais facilidade ou se você tem algum tipo de calosidade ou joanete que costumeiramente te incomoda. Nestes casos, uma boa opção são modelos com cabedal mais arredondado. Outra dica que vale observar é a sua segurança em relação ao salto, o quanto você geralmente se sente mais ou menos segura e confortável, assim uma boa escolha são os saltos tipo cone, bloco ou quadrado de altura média.

Mas, vale prestar maior atenção, principalmente, para a altura e tipo do salto. Isso porque você terá que analisar os seus hábitos e seu estilo versus a modelagem eleita, para ver se a escolha será a mais adequada para as suas necessidades.

Calçados de Casamento: Segurança e conforto

Nesta série especial já falamos de vários fatores  que são importantes de serem analisadas com cuidado para que a escolha do seu sapato de noiva seja realmente perfeita.

Depois de você já ter pensado sobre o local onde será a cerimônia, o seu estilo e seus hábitos é fundamental prestar um pouco mais de atenção sobre a segurança e o conforto do calçado, ou seja, pense que você terá que se locomover durante a cerimônia e a festa, vai andar para cumprimentar os convidados, vai querer dançar e isso tudo significa que; impreterivelmente vai ficar em pé por um bom tempo, muitas horas. Por isso, é importante que o sapato eleito te ofereça conforto. Pense que se você levar em consideração tudo isso que acabei de comentar, você irá se poupar, minimizando a possibilidade de deixar seus pés doloridos e também não te traga risco (queda ou ferimentos).

 

newestilo noiva1PicMonkey Collage

Assim sendo, é essencial  você analisar quais são seus hábitos de calçados, porque desta forma você já irá minimizar alguns acidentes, pois você já estará adaptada a modelagem que escolher.

Pense comigo: uma sandália muito alta vai dificultar o seu caminhar, podendo enroscar o salto na barra, rasgar o vestido, te machucar, etc. Ou então, uma sandália muito recortada e alta, de poucas tiras e salto fino, como algo que você não esteja habituada a usar,  vai jogar seu pé muito para a frente, ficando desconfortável e feio nas fotos, por exemplo.

ioPicMonkey Collage

 

Portanto, vale reforçar aqui: experimente, experimente e experimente até cansar o calçado, pois somente assim você poderá perceber onde ele poderá te dar problemas, se comporta bem a sua anatomia de pé ao design do sapato. Ah… e saiba também: escolha o seu número exato, nada de menor ou maior, porque isso é cilada na certa!

Uma boa dica é: escolha por um calçado de salto mais robusto,  um modelo meia pata que te ofereça segurança ou até um modelo que você já tenha em bom estado (seja qual for) , que se sinta segura e confortável, assim evitará problemas, pois você já sabe como será caminhar, já está habituada ele.

Calçados de Casamento: Hábitos

Lembra dos posts anteriores que falei sobre a cerimônia e o seu estilo? Tudo isso já começou a ajudar você a pensar com mais cuidado na hora de escolher o sapato perfeito.

Pois bem, agora é o momento de fazer uma outra análise acerca do que realmente está incorporado ao seu estilo, ou seja, quais são seus hábitos? Isso significa você parar para pensar no que você está acostumada a usar no seu dia a dia a respeito de calçados.

 

PicMonkey Collage

 

Independente das suas atribuições diárias, na hora de montar a sua produção, no dia a dia, certamente você faz uma rápida reflexão de quais atividades terá que realizar e assim, na hora de montar seu look você pensa se o calçado que irá escolher para usar vai estar adequado e adaptado aos seus hábitos e atividades. Ou seja, se você tem o costume de fazer tudo com um sapato de salto mais grosso ou uma sapatilha e sente-se bem assim, esse é o seu caminho, tente levar essa informação em conta na hora de escolher o modelo do seu sapato de noiva.

 

PicMhabitponkey Collage

É melhor, nestes casos, você estar e se sentir segura com um calçado que já faz parte da sua rotina, do que se sentir extremamente insegura com uma modelagem que não tem nada a ver com a sua personalidade e que está completamente equivocada para o local onde será a cerimônia. Pense nisso!

Calçados de Casamento: Estilo

Depois de você já ter em mente onde será a cerimônia e todas as informações, é a hora de analisar o seu estilo.

A partir do momento que você já tem um local definido, você já sabe o que pode optar ou não em termos de calçados. No entanto, mesmo assim, nem sempre o calçado que você estiver desejando será o mais perfeito. E… por que isso?

estilofestaPicMonkey Collage

Porque é importante você analisar o que mais cabe ao seu estilo e às suas rotinas, ou seja:

  • Qual é a sua personalidade e estilo?
  • De que você gosta? O que combina mais com você?
  • Você está acostumada a usar salto fino?
  • Sabe de fato andar em um salto alto?
  • Normalmente, quais são suas modelagens preferidas?

estilonoiva2PicMonkey Collage

Por isso, pense com cuidado no estilo do calçado eleito e se ele, de fato, se encaixa com a sua personalidade. E… mais, acredite que, em muitos casos é mais adequado você optar por uma sapatilha e aquilo se aproxima de quem você é em essência, do que um modelo com salto muito alto ou uma modelagem pouco confortável às suas necessidades.

 

 

Calçados de Casamento: Cerimônia

Semana passada estreou aqui a série de posts sobre calçados para casamento, a ideia é esclarecer pontos que são fundamentais para a escolha do calçado perfeito para a ocasião.

3b20948b982b78b9f3cf9d8062f677af

Por isso, é super necessário pensar com cuidado em cada característica a respeito do assunto.

Primeiramente é imprescindível analisar com muita atenção sobre o local. Ou seja, onde será a cerimônia? E a festa?

lugarPicMonkey Collage

Tendo conhecimento disto já ficará mais fácil na hora de eleger o calçado, porque a partir do momento que você souber onde será a cerimônia e a festa, já terá em mente se será um gramado ou não. Portanto, saiba que; se optar por um salto muito fino ficará bastante complicado de se locomover em um local de muito gramado, por exemplo. Assim, talvez seja o caso de repensar o desejo por um modelo de salto muito fino ou acabamento em um tecido muito nobre, por algo mais ajustável à sua necessidade.

Em conclusão, tudo é uma questão de muita atenção e análise para que você possa ter o melhor resultado diante daquilo que você precisa e assim, desfrutar do momento da melhor forma possível.

Que tal adesivo nos pés?

Olha que ideia boa: dois designers italianos desenvolveram uma espécie de palmilha adesiva para proteger os pés em situação em que você estará descalço, como por exemplo na praia ou na piscina e ainda, garante proteção de caminhadas em regiões com pedras.

slider1

A marca chama-se NakeFit e garante que é super prático de ser usado, protege os pés nos dias de calor e… nada de ficar pulando na areia quente, sem contar que evita a proliferação de fungos e bactérias nos pés.

19170b81cf474bfa050f0c57d0c85415

 

Para usar, segundo a NakeFit é bem fácil, basta remover a película e colar na sola dos pés.

Ficou curioso? Dá uma olhadinha no site oficial da NakeFit.

Mantenha seus calçados limpos!

O título do post pode parecer óbvio, mas mesmo assim, vale ressaltar que é indispensável manter seus calçados limpos, auxiliando assim, em uma maior durabilidade.

Procure montar sua própria “caixinha de limpeza de calçados”, com poucos produtos é possível fazer uma boa higienização. O importante é ter: sabão neutro, uma toalha exclusiva para secar e uma escova com cerdas macias ou esponja.

Especialmente nos dias de calor é importante alternar o uso dos calçados, procurar não usar o mesmo calçado em dias seguidos e mantenha-os limpos. Sabe por que? Em épocas de temperaturas elevadas você, de certa forma, acaba favorecendo a proliferação de bactérias nos pés, por conta da temperatura ali e isso pode gerar maus odores e prejudicar a saúde dos pés. Por isso, alternar o uso faz-se tão necessário, limpe-os sempre depois de usar e quando for guardar no seu armário, esteja atenta se: o solado está limpo (isso evitará que sujem outros calçados), se ele está seco e observe as condições do calçado, se não esta descolando em algum local, se precisa concertar algo no sapateiro, ou seja, tudo isso só irá você a aumentar a vida útil dos seus calçados.

Meias para usar com botas de cano longo

Além de todos aqueles cuidados fundamentais com os pés que falei no post anterior é muito importante também, mantê-los aquecidos no inverno, isso traz um conforto essencial para preservar a temperatura do nosso corpo.
Mas além das botas serem fortes aliadas nessa estação, tão importante quanto é o uso da meia correta, de acordo com o calçado. Neste caso, as meias 3/4 são perfeitas, justamente por terem um cano mais alto, similar a altura do das botas.
 

Além de auxiliam o calçar correto, pode ser encontrada nos mais diversos materiais, muitas são ligeiramente aveludadas por dentro o que dá um conforto muito maior em dias de frios mais intensos. Muitas vezes as botas de cano longo, são usadas com vestidos e meia calça, mas para garantir um reforço extra no aquecimento dos seus pés, estas meias 3/4 podem ser usadas por cima de meia calças. Outra opção, quando as botas são usadas por cima das calças, tipo skinny a dica é colocar a meia por cima da calça, o que ajudará a calça não subir conforme você andar.

Esfoliação dos Pés

Cuidar dos pés é fundamental!
Fazer um escalda pés e depois hidratar com produtos de sua preferência trazem uma sensação reconfortante. A esfoliação é a etapa seguinte, que é tão importante quanto as contadas nos posts anteriores.
 

 

Mas, afinal de contas o que é esfoliação?
Ok! O termo é super usual, mas você realmente sabe o que significa?
Eu explico: esfoliação é sinônimo de descamação. Com o tempo há um acúmulo de pele em determinadas regiões dos pés, ou seja são células mortas que precisam ser removidas.
Esta etapa deve ser feito com produtos específicos, já que possuem componentes levemente abrasivos e assim vão estimular a renovação celular na região. Ajudando deste modo, a manter seus pés mais saudáveis, sem rachaduras, menos ressecados entre tantos outros benefícios.
Há uma variedade incrível de produtos com este fim disponíveis por aí, escolha um dê sua preferência, veja algumas sugestões:

1. Nativa Spa gel esfoliante para pernas e pés melissa e alecrim, do Boticário.

2. Esfoliante para os pés hortelã, da The Body Shop.

3. Polpa esfoliante para pés Natura Ekos Castanha, da Natura.

Acrescentar mais esse passo na rotina de cuidados é uma atenção especial para a manutenção da qualidade da saúde dos seus pés. No inverno essa atenção deve ser redobrada, pois seus pés ficam mais tempo em calçados fechados e portanto, mais ressecados. Repita esse cuidado a cada 15 dias, antes ou depois do banho. Escolha um produto que te traga sensação de conforto e use neste momento spa dos pés.
É importante que os passos sejam mantidos com certa frequência, para que os benefícios destes cuidados sejam reais.

Hidratação dos Pés

Depois de você ter feito um delicioso e relaxante escalda pés (contei tudo aqui!), você naturalmente já estará mais relaxado, pois aquele momento de imersão dos pés proporciona uma sensação revigorante, além de fazer super bem para a saúde dos seus pés.

Terminada essa etapa seque bem os pés, porque é hora de hidratá-los, dê preferência por fazer isso à noite, pois o pé ficará em repouso durante o sono e acabará absorvendo o creme por mais tempo e integralmente.

Hoje existe uma variedade enorme de cremes para hidratação específica dos pés, para todos os bolsos, escolha aquele que for de sua preferência e passe por todo o pés em movimentos circulares e massageando, dê atenção especial para a região do calcanhar, onde geralmente há maior fricção com o calçado, consequentemente mais ressecamento e ponta dos dedos.

1. Creme de massagem para os pés, Eudora.

2. Creme de pés Karité, L’occitane.

3. Creme para pernas e pés verde verbena Pluii, Droga Raia.

Faça desse ato um momento de prazer e cuidado com seus pés, repita sempre que achar necessário, todos os dias ou em dias alternados. Aos poucos, você perceberá melhoras e uma sensação de conforto maior.

Semana que vem tem mais cuidados com os pés, não perca!